Imprensa

Meta e SKA investem na Ayga

A AYGA TECNOLOGIA S.A., empresa que atua no crescente mercado de IoT, a Internet das Coisas, passa a ter como sócias a Meta e SKA, tradicionais empresas de informática sediadas em São Leopoldo. O investimento visa aumentar a atuação em novos mercados usando a tecnologia por ela desenvolvida nos últimos anos.

“Nossa missão é viabilizar novos negócios em empresas tradicionais, com o uso de software e hardware de última geração. As recentes tecnologias de comunicação e microeletrônica estão revolucionando vários negócios e criando outros. Todas empresas procuram hoje participar deste novo mundo conectado e com produtos mais inteligentes.” assegura Luiz Francisco Gerbase, CEO da AYGA.

Para Siegfried Koelln, presidente da SKA, “O investimento está alinhado à estratégia da SKA, que é fornecer soluções e serviços eficazes para engenharia e manufatura. Contribuir para o sucesso de nossos clientes é a nossa razão de ser. Conectividade e disponibilidade da informação é componente básico da Industria 4.0. O presente e cada vez mais o futuro passa por aí. ”

Já para Claudio Carrara, Vice-presidente da Meta “A associação com a AYGA é estratégica pois representa a possibilidade de integrar soluções IoT no portfólio de serviços da Meta. É um mundo ainda novo, que vai possibilitar aos nossos clientes, explorar novas formas de entregar serviços e valor aos seus negócios”

Fundada em 2017 por Luiz Gerbase e João Moraes a AYGA já conta com clientes como Tramontina, Marcopolo e Randon, que representam exemplos de verticais de mercado onde a presença de inteligência embarcada nos produtos passou a ser fundamental. João Moraes, diretor de tecnologia, fascinado pelas novidades que a microeletrônica e software em nuvem oferecem, diz que “É fantástico podermos contar com a experiência e confiança dos nossos novos sócios, criaremos um ambiente que permita que todas as empresas envolvidas tirem o melhor proveito desta aproximação.”

A ideia de fundar a AYGA foi baseada na extensa experiência que Gerbase tem no mercado de automação industrial, como fundador da ALTUS, e em toda sua história ligada ao mercado de sistemas e eletrônica embarcada. “A AYGA tem como objetivo atuar em diversas verticais de mercado, já que o fenômeno da digitalização é ubíquo em nossas vidas”

 

Os comentários estão encerrados.